quinta-feira, 7 de dezembro de 2006

Apadrinhamento à Distância

Uma criança subalimentada e analfabeta está destinada a tornar-se um adulto sem condições de melhorar a sua situação e a do ambiente que o rodeia.

Ajudar as crianças desfavorecidas vítimas da guerra, da pobreza, de abusos por parte dos adultos; Oferecer-lhes o sustento necessário e o acesso à educação, à aprendizagem de uma profissão; Fazer um esforço no sentido de integrar estas crianças nos seus países, foram o mote para a criação do Centro Cooperazione Sviluppo (CCS).

As actividades desta Insituição, têm por base princípios de solidariedade, fraternidade e cooperação, respeitando as especificidades culturais locais, sem distinção de género, etnia ou religião, e desenvolvem-se em Moçambique, Angola, Zâmbia e Nepal.

O apadrinhamento à distância, um dos programas postos em prática pelo CCS, é uma das suas principais formas quer de recolha, quer de aplicação de fundos. Este integra as crianças das comunidades que apoia no referido programa adquirindo assim recursos para prosseguir o acompanhamento a essas mesmas comunidades.

Os fundos são recolhidos nos Países Desenvolvidos e aplicados, através da execução de programas e projectos, nos Países em Vias de Desenvolvimento onde trabalham.

Sustento escolar = 13€ mensais
Sustento escolar e alimentar = 21€ mensais

Todo o trabalho desenvolvido pelo CCS, bem como as crianças apadrinhadas, poderão ser visitadas, experimentando umas férias diferentes e inesquecíveis.

Mais informações, ver Link

1 comentário:

M J C disse...

Quando chegarmos a Março não te esqueças de escrever sobre mim.
Gosto muito do seu caracter informativo e aspecto geral do site.
Quanto ao apadrinhamento à distancia falamos pessoalmente.